Sexo na gravidez

Um dos tabus mais antigos é fazer sexo durante a gravidez. Porém, hoje em dia, esse quadro vem mudando, porque os casais entenderam que a relação sexual só deve ser evitada em caso de gravidez delicada.

“Se o médico informar que a gravidez não é de risco, não faz mal algum em ter nove meses de prazer. Nem o bebê, nem a mulher vão se machucar durante a relação sexual”, explica a sexóloga Laura Muller.

Sexo na gravidez
Sexo na gravidez

A maior dificuldade nesse período pode ser fazer o homem se interessar pela relação. Por isso, indicamos caprichar no figurino, nas preliminares, e se necessário, até sugerir um Vigra Master para dar uma levantada no “ânimo” do parceiro.

Segundo a profissional, o casal também precisa levar em conta questões como a crença de cada um. “Há casais que relacionam a gravidez a algo sagrado e, por isso, não seria correto fazer sexo”, comenta.

Com todas as dúvidas e “neuras” esclarecidas com seu médico, cabe aos dois descobrir a melhor forma de viver essa fase de forma prazerosa. A sexóloga aconselha ir ajustando as posições para o sexo conforme a barriga for crescendo. “Posições como a de conchinha, pode ser mais agradável”, ensina.

10 posições para ter relações sexuais durante a gravidez*

  1. Em pé: apoiado à parede, o homem sustenta o peso da parceira, segurando-a pela parte posterior das coxas. É ideal para os primeiros meses da gravidez;
  2. De joelhos: ele se ajoelha e apoia a parceira, que pode abraçar a cintura dele com a outra perna. Posição sugerida até o terceiro mês de gravidez;
  3. Cachorrinho: a mulher mantém a barriga solta enquanto o homem, ajoelhado, controla a penetração. Liberada até os três meses de gestação;
  4. Pelve levantada: Enquanto ela se deita sobre travesseiros, acomodando a coluna, ele, de joelhos, controla a penetração. Liberada até o sétimo mês;
  5. Colher: o casal se posiciona de lado e a mulher usa um travesseiro pequeno sob a barriga, apoiando-a. Liberada nos nove meses de gestação;
  6. Sentada: sentada em frente e sobre o parceiro. Postura agradável e suave, principalmente a partir do oitavo mês;
  7. Papai e mamãe adaptado: aqui, o parceiro mantém o tronco um pouco elevado, evitando pressão no útero. Indicada a partir do terceiro mês;
  8. Cruz: deitada com as pernas flexionadas sobre o corpo do marido, a gestante se encaixa nele de lado. Liberada até o final da gestação;
  9. Sentada de costas: a grávida se senta de costas e sobre o homem, deixando a barriga livre. Liberada até o final da gestação;
  10. Armadilha da serpente: a mulher fica de frente e sobre o parceiro, ambos seguram os pés um do outro. A posição vem do Kama Sutra e evita a pressão sobre o diafragma. Liberada durante os nove meses de gestação.

You may also like

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *